MAQUIAGEM COM EFEITO FLASHBACK - POR QUE ALGUMAS MAQUIAGENS ESTOURAM COM O FLASH?

Atualizado: 15 de fev.



Você já deve ter visto fotos parecidas com essa, em que famosas aparecem com maquiagem com pontos brancos, parecendo enfarinhada. Isso é conhecido como maquiagem flashback ou que "estoura" com flash.


A culpa desse efeito indesejado acabou recaindo sobre o pó translúcido branco (como o da foto abaixo), que é super super fininho e quando aplicado sobre a pele fica transparente (invisível), mas quando é fotografado COM FLASH causa esse resultado estranho.


Repare nessas fotos da Miley Cyrus em que uma foi tirada com flash (olha como a testa e todo o rosto estão brilhando) e a outra sem flash. A maquiagem estava perfeita sem o flash!


Com isso, as marca passaram a desenvolver pós translúcidos com cor (ser translúcido é diferente de ser transparente - farei outro post explicando sobre esse tipo de pó) para que as consumidoras continuassem a usar o produto. Porém, o que causa esse resultado não é o fato de o pó ser branco ou não, mas sim seus componentes - principalmente a SÍLICA e o DIÓXIDO DE TITÂNIO, que podem estar presentes em produtos com ou sem cor.


Para entender o porquê isso acontece e o que fazer para evitar, precisamos entender sobre esses ingredientes, presentes não apenas nos pós translúcidos, mas em diversos outros produtos de maquiagem.


A sílica é um dos elementos minerais mais abundantes do planeta encontrado na areia, quartzo e argila. Ela é amplamente usada em produtos cosméticos pela sua capacidade de absorver a umidade e a oleosidade. Além disso, ajuda os cosméticos a aderirem à pele e a melhorar a suavidade e o espalhamento das bases, dos cremes e dos pós. Servindo também como estabilizante ou meio de transporte para outros ativos nos cosméticos, aumentando a sua eficácia.


Além de tudo isso ela ainda age como difusor de luz, por isso também é usada em protetores solares! E isso ajuda a disfarçar os poros. E é exatamente essa capacidade de refletir a luz que faz a maquiagem "estourar" na foto feita com flash.


É possível encontrar não apenas a sílica pura no cosméticos, mas também os derivados dela, que darão o mesmo efeito, como: alumina magnesium metasilicate, aluminum calcium sodium silicate, aluminum iron silicates, sodium potassium aluminum silicate, entre outros.


Já o Dióxido de Titânio (titanium dioxine) é um mineral de cor branca e que pode ser usado como pigmento nas bases e corretivos e também como filtro solar, pela sua capacidade de ser um bloqueador físico que absorve raios ultravioleta (UV).


Com isso, percebe-se que apesar de o pó translúcido branco ter levado a fama de vilão, na verdade ele é apenas a ponta do iceberg, pois todos os produtos de maquiagem aplicados antes (prime, base, corretivo) também podem ter sílica ou dióxido de titânio e contribuir para esse efeito fantasminha nas fotos.


Nessas fotos das celebs acima, percebe-se que apenas algumas partes ficaram "enfarinhadas" e isso foi por uso excessivo do pó nesses locais que não foi tirado direito, e apesar de a olho nu não ter ficado visível, no flash ele se revelou. Nesse caso o real problema foi ter aplicado produto demais.


E conforme expliquei, o flashback pode acontecer não apenas em razão do pó translúcido, mas também de bases e corretivos, principalmente os mattes, que para terem acabamento sequinho possuem maior quantidade de sílica.


Outro erro que muitas cometem é escolher produto mais claro que a cor da pele, principalmente corretivo, com o intuito de iluminar, mas que acabam deixando um efeito de "panda invertido" quando fotografada.

Base mais clara do que o tom da pele também causa esse efeito flashback nas fotos.


Eu já ensinei nesse post AQUI e também em vídeo como escolher a base na cor certa para não acontecer esse tipo de problema.



Portanto, maquiagem flashback ou que "estoura" com o flash não é causada pelo pó translúcido sem cor e nem só ocorre devido a sua composição. Mas basicamente por erros de aplicação.


Então para evitar esse efeito indesejado na sua maquiagem:


  • Analise a composição dos produtos e se houver uma grande quantidade de sílica use em quantidade moderada. Lembre-se que quanto mais matte for o produto, mais sílica terá;

  • Se possível, NÃO TIRE FOTOS COM FLASH (principalmente de celular que são pequenos e aumentam ainda mais o rebote da luz);

  • Não use pó em excesso e espalhe-o bem para que não fique acumulado;

  • Escolha a cor da base e do corretivo no tom e subtom exatos da sua pele para que não fiquem mais claro e te deixe com cara de fantasma nas fotos, rs.

E aí, já aconteceu de você sair na foto com esse efeito flashback?


Agora que você já sabe porque ele acontece e como evitá-lo compartilha esse post com aquela amiga que fica parecendo um fantasminha.


Bárbara Figueiredo - pigmentadora e graduanda em Biomedicina.


Acompanhe as minhas redes sociais, posto vários outros conteúdos interessantes por lá também.

Instagram: @b.a.r.b.a.r.a.b.e.a.u.t.y @barbarabeautyconcept


Youtube: Bárbara Figueiredo Beauty


E para você não perder nenhum post do blog e receber alerta no seu e-mail, assine a newsletter no campo abaixo.




57 visualizações0 comentário